Como ajudar um aluno de 2ª Língua em sala de aula.

Aprender em um segundo idioma pode ser desafiador, mas como o professor pode fazer uma grande diferença. Veja um resumo das principais ideias.

1- A linguagem é mais do que vocabulário, gramática e ortografia. É moldado por discursos, convenções de gênero e contexto.

2- Os estudantes precisam controlar tanto o registro interpessoal cotidiano quanto o registro acadêmico mais formal para obter sucesso na escola.

3- Os alunos de idiomas virão de várias circunstâncias com uma variedade de recursos, por isso, não faça suposições sobre suas necessidades.

4- Não o deixe em osmose – planeje o aprendizado de idiomas, bem como o aprendizado do currículo.

5- Mantenha o foco em fazer sentido, não em correção.

Incentivar a repetição, reciclagem e redundância.

Use recursos visuais e gestos para apoiar os alunos de idiomas.

6- Em seus recursos de conversação e sala de aula, busque “mais compreensibilidatde”.

7- Receba as primeiras línguas dos seus alunos na sala de aula.

8- Planeje diferentes espaços e atividades para diferentes tipos de conversa.

9- Dê aos alunos de idiomas um pouco mais de tempo de espera.

10- Entenda as demandas específicas de idioma da sua área de currículo.

11- Construa o ciclo de gênero em seu planejamento de aula.

12- Deixe os alunos entrarem no mundo das convenções de gênero.

13- Use o feedback sobre o trabalho dos alunos como uma oportunidade para o aprendizado de idiomas.

15- Observe como os alunos de sua língua estão progredindo e planeje o próximo estágio.

© Universidade de Glasgow

Learning in a second language can be challenging, but a language-aware teacher can make a big difference. Here’s a summary of the main ideas.

  • Language is more than vocabulary, grammar and spelling. It is shaped by discourses, genre conventions and context.
  • Students need control of both the everyday interpersonal register and the more formal academic register to succeed in school.
  • Language learners will come from a variety of circumstances with a variety of resources, so don’t make assumptions about their needs.
  • Don’t leave it to osmosis – plan for language learning as well as curriculum learning.
  • Keep the focus on making meaning, not on correctness.
  • Encourage repetition, recycling and redundancy.
  • Use visuals and gestures to support language learners.
  • In your talk and classroom resources, aim for ‘comprehensibility plus’.
  • Welcome your students’ first languages into the classroom.
  • Plan different spaces and activities for different types of talk.
  • Give language learners a bit more wait time.
  • Understand the particular language demands of your curriculum area.
  • Build the genre cycle into your lesson planning.
  • Let students into the secrets of genre conventions.
  • Use feedback on students’ work as an opportunity for language learning.
  • Observe how your language learners are progressing, and plan for the next stage.
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s