Trip To Flórida

Nessa semana meus alunos poderão conferir as novidades que trouxe de minha viagem pelo Golfo do Mexico através de fotos, artigos em revista, jogos educacionais

20130527-150200.jpg

Advertisements

Opções de cursos

Paula Lyra ELT School

  

AULAS PARTICULARES DE INGLÊS

Crianças, Adolescentes, Adultos

 Para quem deseja aprender Inglês, falar c/fluência, melhorar as notas escolares, viajar, navegar na Net ou estudar no exterior:

    ·       Alfabetização em Inglês;

  ·       Conversação e Fluência (qualquer idade);   

    ·       Travel English (Inglês p/viagem);

     ·       Business English (Inglês p/negócios);

     ·       Acompanhamento Escolar (qualquer série letiva)

   Aulas particulares individuais ou em pequenos grupos. Material didático importado. Técnicas dinâmicas com vídeo, áudio e informática.

 

10 Tips for Playing Games with Young Children

 From the Book: Great Games for Young Children by Rae Pica. Adapted by Paula Lyra

  1. 1.      Remember that children learn through play.

In this age of academics” and “accountability”, children are getting fewer and fewer opportunities to play. Because we know that children learn through play, we have to stand strong in our convictions. Play is absolutely essential for children, and any curriculum that excludes it is not meeting the needs of the whole children.

  1. Eliminate Games that use elimination.

In the traditional game of Simon Says, for example, the children eliminated first are the ones who most need to work on their body- part identification and listening skills! With simple modifications, almost any game can be played without eliminating children. With Simon Says, try arranging the children in two circles. When a child moves without permission, that child simply goes from one circle to another!

  1. Keep maximum participation in mind.

Waiting doesn’t come naturally to young children and shouldn’t be imposed on them too often. Besides, a child who is waiting is not actively participating and therefore not having all possible benefits. Whenever you can, choose games that let everyone in the group participate. Or, if you play a game that has one child at a time participating, divide the group into several small groups, so it allows more children to be active

  1. 4.      Avoid hurting feelings when organizing partners and groups.

If, you want to form 3 groups, ask the children to count off from one to three. All the ones then belong in one group, and so on. For a partner activity, play a quick game of Back to Back, in which you invite the children to get back to back with someone as quickly as possible while you count down from 5 to 1. By the time you reach 1, all children should have a partner.

  1. Play in a circle.

Although this is not always possible, try to do it as often as you can. Circle games bring about a sense of community, of belonging, that no other formation offers. A circle allows the children to see and hear everyone else. And, to remain part of the circle, they must accept the rules and roles assigned.

  1. Think cooperation – not competition

Children will have plenty of time to experience competition later in life, and it isn’t developmentally appropriate for early childhood years. Play many different cooperative games, which help children, learn to be successful at working together, an essential social skill for becoming part of a society. Research shows that preschoolers prefer cooperative games to competitive ones.

  1. Take it outside.

Whenever possible, play outdoors. Today’s children are spending less time outdoors, than at any other point in history. As a result, they are losing their connection with nature and missing out on the sensory experience only the outdoors can provide. Besides, play a game outside for a change, can add a new whole element to it. With Follow the Leader, for example, new obstacles create new pathways and challenges.

  1. Keep a game repertoire handy.

If you learn how to do games that take varying lengths of time, then you will always know just what to do when an opportunity to play arises. Be sure to include games that focus on a variety of concepts and work with different sizes of groups.

  1. Keep the whole child in mind.

Choose games that develop all three domains. For example, Over & Under is a game that requires a group of children to stand in a circle with each child facing another child’s back. The children alternate between passing a ball over the head and through the legs of the next child. The ball- handling and flexibility aspects contribute to physical development. The circle and the cooperative nature of the game foster a social/emotional development. And the actions familiarize the children with important prepositions, promoting cognitive development.

  1. Have fun! Games should be fun. If fun for everyone is the biggest objective of a game, it is worth playing. After all, fun should be an essential component of every game and of live, too!

Apresentação

PROJETO

 Paula Lyra ELT School

Apresentação

 

Do que se trata o projeto:

Este é um projeto acadêmico de grade curricular que utiliza a língua Inglesa durante toda a carga horária letiva. Este sistema de ensino consiste em habilitar alunos, em idade inicial de 3 anos a adquirir, gradativamente, através da exposição diária à segunda língua, capacidade em falar, ler e escrever em Inglês, fluência e proficiência.

 

Carga Horária:

A carga horária depende da necessidade ou da urgência do aluno em alcançar seus objetivos lingüísticos. Este trabalho individualizado pode ser desenvolvido durante aulas semanais de uma hora de duração, ou com grupos de alunos em turnos, com horários de refeição, higiene e recreação (como em uma escola).

 

Fluência na Língua:

        Todas as crianças estão preparadas fonologicamente para aprender, com facilidade, uma língua estrangeira. Através do contato diário e atividades específicas para aquisição da língua inglesa, o aluno terá tempo e oportunidade de alcançar fluência em curto prazo. O tempo necessário para adquirir fluência, porém, pode variar de acordo com  a exposição, o esforço individual, o interesse e habilidade em geral para aquisição de língua estrangeira.

 

Material Didático:

        Cada aluno possui uma inteligência diferente e uma forma diferente de aprender e fixar. Baseado nessas habilidades, o material didático mais apropriado é escolhido para o aprendizado acontecer de uma forma natural e eficaz. Este pode ser oral, escrito, visual, mas sempre contextualizado à realidade do aluno.

 

Metodologia

A criação, elaboração e desenvolvimento deste projeto me foram possíveis através de estudo e de trabalho em escolas internacionais e institutos de idiomas com diferentes metodologias e com alunos de diversas nacionalidades.

 

 

 

Anexos a esta apresentação estão disponíveis

 

·        Outras opções de cursos;

·        Perguntas e respostas sobre dúvidas quanto ao programa;

·        Razões para se aprender uma segunda língua;

 

        Agradeço pela atenção e me coloco à disposição para maiores esclarecimentos.

 

        Atenciosamente,

 

   Paula Lyra

 

  

Perguntas mais frequentes

Perguntas Mais Freqüentes

 

·        1 – O que é ensino bilíngüe?

O projeto tem como meta oferecer uma formação cultural internacional, através de aulas de atualidades e cultura internacional e eventos que incentivem a formação de um cidadão global, apto a conviver com estrangeiros e respeitar as mais diversas culturas. Este programa promove o multiculturalismo, a cidadania, fluência e proficiência na língua inglesa através de ensino com grade curricular acadêmica (Leitura e Escrita, Ciências, Estudo Sociais), além da aquisição de conhecimentos fundamentais ao mundo atual.

 

·        2 – Qual a idade preferencial para a aquisição de uma língua estrangeira?

Estudos demonstram que, o quanto antes um aluno for exposto a uma segunda língua, mais rápida se dará à aquisição e a fluência, pois, dentre alguns motivos, o cérebro ainda não diferenciará os fonemas da língua mãe criando assim a ausência do sotaque, tão comum em alunos que aprenderam uma segunda língua quando adolescentes ou mesmo já adultos.

 

·        3 – Como um aluno pode se beneficiar com este programa?

O aprendizado de uma língua adicional está diretamente relacionado à habilidade duradoura de comunicação com muitas pessoas.

Alunos podem derivar outros benefícios com este aprendizado incluindo a melhora no desempenho escolar geral e na habilidade se resolução de situações problemáticas.

Saber uma segunda língua possibilita uma vantagem competitiva na força de trabalho através da abertura de oportunidade adicional de emprego.

Estudos demonstram que alunos de língua estrangeira, estatisticamente pontuam mais alto em testes de uma forma geral.

 

·        4 – Em quanto tempo um aluno se torna bilíngüe?

A aquisição de uma língua estrangeira está diretamente ligada ao tempo de exposição à nova língua, dedicação e habilidade. Em geral em um ambiente centrado na língua Inglesa diariamente por 4 horas, e, obviamente, respeitando-se as diferenças individuais de cada criança, este aprendizado se dará em um prazo de oito meses a dois anos para uma boa fluência. Como a linguagem, porém, é algo muito dinâmico, está necessita estar sempre sendo utilizada para não ser esquecida ou ficar obsoleta.

 

·        5 – Como acontece o aprendizado?

Uma das formas de desenvolvermos as áreas de conhecimento é através de projetos. É comum aluno da mesma faixa etária se interessar por assuntos parecidos. Partindo deste interesse escolhem-se tópicos a serem trabalhados com alunos a partir de três anos. Acredita-se que o aprendizado acontece de uma forma mais significativa quando há motivação e participação integral do grupo. Esta maneira de trabalhar propicia inúmeras oportunidades de pesquisa, interação e troca de experiências com os alunos e também com os pais, que sempre participam mandando materiais, pesquisando em casa ou mesmo vindo à escola para compartilhar seus conhecimentos.

 

·        6 – Há confusão com a língua materna?

Durante o processo inicial de aquisição da língua, o aluno fará alguma mistura com palavras de ambas as línguas, porém logo em seguida, os mecanismos do cérebro identificarão o uso de cada língua individualmente e esta mistura não acontecerá mais.

 

  • 7 – Qual é a filosofia pedagógica do programa?

Trabalha-se dentro da concepção Construtivista de ensino-aprendizagem, que incentiva o aluno a construir seu aprendizado, através de situações desafiadoras e estimulantes para que elas se conscientizem de suas ações. A preocupação é proporcionar um ambiente em que o aluno exerça suas potencialidades, dentro de limites éticos, tornando-se crítico e atuante.

                                

·        8 – Como é feita a seleção dos profissionais deste programa?

Os profissionais envolvidos neste programa possuem fluência na língua Inglesa, comprovada através de certificados de proficiência internacionais.

                               

·        9 – Existem avaliações ou provas regulares?

O processo de avaliação é sistemático e contínuo, não há datas de avaliações previamente agendadas, estas acontecem gradativamente.

 

·        10 – Como se desenvolvem as atividades no dia a dia?

Na sala de aula desenvolvem-se uma série de atividades, entre elas: Histórias e Roda de Conversa (um momento diário onde as crianças e professor trocam experiências, aprendem sobre assuntos novos, cantam e trabalham com o corpo) Dramatização, Colagem e Desenho, Culinária, Horta. Os alunos participam também de atividades de livre escolha, que são trabalhadas a partir de uma série de materiais disponíveis na classe. Os vídeos e softwares são usados como material de apoio para nossos projetos.

 

·        11 – A criança não fica estressada?

A criança possui muita energia que, se não for canalizada apropriadamente, pode ser perdida ou desperdiçada. Sabendo-se balancear momentos de atividades lúdicas durante o processo, não haverá desgaste físico ou mental pelo aluno e sim alegria em participar nas atividades.

 

·        12 – Haverá momentos de descanso ou lazer?

O programa consiste na mescla de atividades que o tornam alegre, leve, dinâmico e eficaz. Há momentos onde os alunos descansam, brincam se alimentam ou praticam esportes.

 

·        13 – Existe tarefa de casa?

Não há tarefas de casa para as crianças, pois haveria uma sobrecarga de funções para elas, mas há para os alunos maiores.

 

·        14 – Qual é o material didático utilizado e qual o custo?

O material utilizado é individualizado para cada necessidade específica dos alunos; sejam eles livros, CDS, vídeos, softwares, etc. Todo o material é importado por editoras Americanas e vendido a preço de Reais.

 

  

Opções de cursos

Opções de cursos

 Crianças, Adolescentes, Adultos

  Para quem deseja aprender Inglês, falar c/fluência, melhorar as notas escolares, viajar, navegar na Net ou estudar no exterior:

 

   ·       Conversação (qualquer idade)         

    ·       Travel English (Inglês p/viagem)

    ·       Business English (Inglês p/negócios)  

    ·       Acompanhamento Escolar (qualquer série letiva)

 

Aulas particulares em domicílio.

Material didático Americano.

Técnicas dinâmicas com vídeo, áudio e informática.

Maiores informações com Paula Lyra – paulalyra@hotmail.com

 

  

5 razões para aprender uma 2ª língua na infância

kids at school

1 . Muitos experts em educação concordam que quanto mais cedo a criança for introduzida à 2ª língua, maior é a chance dela se tornar verdadeiramente proficiente .

         2  . O aprendizado de uma língua adicional está diretamente relacionado à habilidade   duradoura de comunicação com muitas pessoas.

        3 . Crianças podem derivar outros benefícios com este aprendizado incluindo a melhora no desempenho escolar geral e na habilidade se resolução de situações problemáticas.

 

4 . Saber uma segunda língua possibilita uma vantagem competitiva na força de trabalho através da abertura de oportunidade adicional de emprego.Estudos demonstram que alunos de língua estrangeira, estatisticamente pontuam mais alto em testes de uma forma geral.

5 . Estudos confirmam que, estatisticamente alunos de uma língua estrangeira pontuam mais alto em testes de uma forma geral.

 

 

Homeschool tutoring

  • Global Program for Early Childhood Education

For children who turn 3 by August, this program integrates the American and Brazilian curriculum, with hands on activities, helping them to develop socially, emotionally, and physically. All the academic material is imported from Scott Foresman, Scholastic and Schoolzone in the USA and is the same used by the American schools in Rio and São Paulo.The annual certificate of accomplishment and the quarterly report card come from the Brazilian School, but together with the official transcript are the only necessary documents to enroll in any school abroad.

 

  • Global Program for Grades 1 to 8

This program is for children in 1st to 8th grades to develop academic abilities, problem solving skills, self-esteem, a sense of competence, and positive feelings toward learning. All the academic material is imported from Scott Foresman, Scholastic and Schoolzone in the USA and they are the same used by the American schools in Rio and São Paulo. It includes Reading, Writing, Science and Social Studies (Math grades come from the Brazilian curriculum). The certificate of accomplishment comes from the Brazilian School, but together with the official transcript are the necessary documents to enroll in any school abroad

 

  • Global Program for High School

This program is for 9th to 12th grades students who have adequate proficiency in English and the necessary pre-requisites to enroll in an American High School to work with specific methodology and receive a fully accredited American certificate of completion valid in any international school. For these specific grade levels, the student will have to purchase the material (on line) directly with the school in America www.keystonehighschool.com

 

1 – Please note that it is mandatory to have a Brazilian school as a background to valid the official transcript to each student from grade 1 until High school.

 

2 – The students become bilingual after a period of 8 months to 2 years of regular classes depending on their individual abilities.

 

3 – Mathematics is not included in the program, once it is a universal language there is no need to be seen in both curriculums, just in Brazilian program will do.

 

4 – Normally there are 4 hour classes from Monday to Thursday; no classes on Fridays, so the students can have an extra time to dedicate to another activity.

 

5 – The program follows the American School Year Calendar when classes start in August and end in June, but the Brazilian Summer vacation is during the same time as in Brazil.